+
ico-maispiordebom-regrasico-maispiordebom-noticiasico-maispiordebom-duvidasico-maispiordebom-chatico-maispiordebom-descontracaoico-maispiordebom-aulasescolaresico-maispiordebom-receitasico-maispiordebom-celularico-maispiordebom-jogosappsjavaico-maispiordebom-assistirfilmesanimesico-maispiordebom-tutoriaisico-maispiordebom-bibliaico-maispiordebom-protetoresdetelaico-maispiordebom-papeisdeparedeico-maispiordebom-musicasico-maispiordebom-emuladoreseronsico-maispiordebom-nintendoico-maispiordebom-sonyNOME_ICONEico-maispiordebom-jogosflashico-maispiordebom-webdesignerico-maispiordebom-hardwareico-maispiordebom-sistemasoperacionaisico-maispiordebom-downloadico-maispiordebom-cubeecraftico-maispiordebom-espacomulherico-maispiordebom-horoscopoico-maispiordebom-fisioterapiaico-maispiordebom-medicinaico-maispiordebom-esportes

Tradição do Sol e Tradição da Lua

                                                              
       Conforme prometi no post sobre Almas Gêmeas, falarei agora sobre a Tradição do Sol e a Tradição da Lua.
       A primeira vez que li a respeito dessas tradições foi no Livro Brida, de Paulo Coelho, (talvez por isso muitas pessoas não saibam que essas Tradições existem realmente e acreditam que sejam apenas uma invenção do autor) e acredito que muitos aqui o tenham lido. De acordo com o livro, a Tradição do Sol ensina os segredos através do espaço e das coisas que nos cercam; É  a sabedoria eterna que está ao nosso redor todos os dias. Já  a Tradição da Lua, ensina os segredos através dos tempos, das lições de vidas passadas, das coisas que estão presas na memória do tempo.
       Ainda citando as palavras de Paulo Coelho, ele diz o seguinte sobre a Tradição do Sol:
       “Quem quer aprender a magia, deve olhar a sua volta. Tudo o que Deus quis dizer ao homem, colocou bem na frente dele. Basta prestar atenção. Todos nós possuímos a mesma capacidade de entendimento, mas precisamos acreditar nas revelações que o dia-a-dia nos trás. Essa Tradição é democrática: não foi feita para estudiosos ou puros, mas para pessoas comuns. O poder está em todas as pequenas coisas que fazem parte do caminho do homem; o mundo é uma sala de aula, o Amor Supremo sabe que vc está vivo e vai lhe ensinar. Em algum canto, num lugar que vc talvez não tenha reparado até este momento, está a resposta que vc queria o milagre que vc precisava. Para que este milagre aconteça, basta prestar atenção.”
       E para a Tradição da Lua, o autor cita o seguinte:
       “As lições que Deus ensinou serão aprendidas na memória do tempo. Passamos por muitas vidas e um verdadeiro feiticeiro não esquece seu aprendizado tenha passado uma ou mil vidas... Mas tome cuidado com uma coisa: jamais deixe que as dúvidas paralisem suas ações. Tome sempre todas as ações que precisar tomar, mesmo sem ter segurança ou certeza de que está decidindo corretamente. Ninguém erra quando está agindo, se, ao tomar suas decisões, mantiver sempre em mente um velho provérbio alemão, que a Tradição da Lua trouxe até os tempos de hoje. Se vc não esquecer este provérbio, sempre pode transformar uma decisão errada em uma decisão certa. E o provérbio é este: “o diabo mora nos detalhes”.”
       Agora... Saindo um pouco das citações de Paulo, vamos entrar nos detalhes destas tradições.
       Os nomes “Tradição do Sol”  e “Tradição da Lua” não são os nomes originais das tradições. Seus nomes originais são: Tradição da Pomba (Sol) e Tradição da Serpente (Lua). Há várias especulações do pq ter se “mudado” o nome das tradições. Na verdade, os nomes não foram mudados, foram apenas adaptados. Isso pq alguns leigos associavam a Tradição da Pomba a algo bom e a Tradição da Serpente a algo ruim. Outros acreditavam que por ter nome desses animais, eram associadas a determinadas ceitas e religiões específicas. O que não é a realidade. Outros acreditam que os nomes foram “modificados” apenas por ser uma forma bem eficiente de gravar um nome através dos símbolos, porque as imagens, em um sentido mnemônico, podem ser gravadas (e lembradas) com muito mais eficiência que as palavras. Os nomes originais das tradições ainda são utilizados pelos Alquimistas e por alguns poucos magos.
       Essas Tradições são chamadas de Tradições iniciáticas, pois é o caminho que vc irá seguir para se encontrar na magia. Não importa se vc é Wicca, Druida, Xamã, Espírita, ou tenha qualquer outra crença.  Conscientemente ou não vc deverá seguir essas tradições ou ambas. Sim, ambas! Pq no fundo, elas acabam se completando. Veja o meu exemplo: Nunca fiz curso de tarot e quando fiz minha primeira leitura, nunca tinha lido um livro sobre o assunto. Esse conhecimento já era meu (provavelmente um aprendizado de uma outra vida)! Contudo, para aprender a jogar runas, precisei estudar bastante e continuo estudando diversos outros assuntos no ramo esotérico... Como dizer que não estou seguindo as duas Tradições? Se repararmos bem, creio que 90% seguem as duas Tradições (afinal, a vida é um eterno aprendizado). Quem não faz assim é um tolo que se julga superior.
       Outro dia li um texto sobre essas duas tradições e me deparei com o desabafo de bruxinho dizendo que ocasionalmente encontra os chamados pseudo-bruxo que alegam seguir uma dessas tradições e fazem descaso da outra, como se aquela que é diferente da sua fosse de "segunda classe” e como ele mesmo disse (e eu concordo plenamente), “O que pensa assim nem é bruxo, é a folclórica figura do leigo praticante, o famoso leigo operacional.”
       A Tradição do Sol é o caminho mais tradicional. É onde aprendemos aos poucos e por etapas. Muitas vezes é um aprendizado Mestre-Discípulo (aqui o mestre pode ser um ser/elemento espiritual ou um ser humano vivido) onde aprendemos com aqueles que já passaram do aprendizado e estão na fase do ensinamento. Nesse aprendizado, a pessoa recebe o Chamado, desenvolve interesse intenso pela magia, estuda e se prepara muito até que o Mestre aparece e a conduz a etapas mais elevadas.
       A Tradição da Lua é nada mais nada menos do que a Intuição. São todos aqueles que têm revelações, aprendem por intuição, são aqueles que dizemos que já nasceram com o Dom. Estes têm um compromisso com a Magia, de tal forma,  que trazem de existências anteriores parte do conhecimento, que então se manifesta nesta existência atual.
       Como eu disse, é quase impossível seguir uma única Tradição. Elas realmente se completam. Mesmo que vc já tenha nascido com o “Dom pra coisa”, vc precisa estudar, precisa vivenciar, precisa errar e acertar. Todos os dias ensinamos e aprendemos. Essa é a graça da coisa. E aí vc deve estar se perguntando: Se elas se completam, pq são separadas? A resposta é simples: Vc precisa saber onde se identifica para depois dar continuidade. Se vc já nasceu com o dom, sua Tradição natural é a da Lua e, nesse caso, vc já sabe que então precisa aprender a Tradição do Sol. Nada mais é do que a orientação do que se fazer para aprender. Vc tb pode viver estudando, estudando e ter um dom oculto que desconhece. Nesse caso, vc deve seguir a Tradição da Lua para desenvolver seus dons.
Bem, tentei escrever de forma clara e espero que tenha conseguido!

Para saber mais, elogiar, tirar dúvidas... deixe um comentário ou envie um e-mail para cursocirculodoconhecimento@gmail.com

Visite nossa loha: www.lojamais.com.br/circulomistico
 
                                                                 

8Respostas até agora.

  1. KaTcHuca disse:

    Muita interessante mas essas questões, de dom e aprendizado, é uma dualidade inevitavel.
    Tudo se resume a dualidade...
    Mas deixa eu te pergunta, ambas tradições não se adaptam só a magia, é como ter o dom para fazer tal função, e apenas aprimora-la, ou apenas estudar muito para fazer o que gosta, estou certo ou errado?

    Flw, e parabens pelos seus posts :P

  2. Sim, KaTcHuca, se analisarmos o que são as tradições vemos que na verdade se encaixam em nossa vida como um todo.
    Aqui falo da magia pois as Tradições estão voltadas à magia mais o que elas representam estão ligadas a tudo pois nascemos com muitos dons despertos e não despertos.

    Agradeço pelo elogio!

    Forte abraço, Ana.

  3. Anônimo disse:

    ave lord satanael

  4. Anônimo disse:

    ComO faço para despertar MeUs dons? ObrIagdo e paRAbENS peLo DoCuMentaRiO!

  5. Anônimo disse:

    Adorei, foi a melhor explicaçao sobre as Tradiçoes do Sol e da Lua que já via até agora. VALEUUUUUUU!

  6. Unknown disse:

    melhor artigo sobre as tradições...sem enrrolação

  7. Fernando Ébano disse:

    "A TRADIÇÃO DO SOL"

    Gosto e vivo na "Tradição do Sol"
    um contraponto a magia Wicca, que na realidade é o culto de Hecáte, a "Tradição da Lua"
    A essência do ensinamento dos Solaris é o "Caminho do Simples"
    "Sou filho de um Deus simples, que de maneira simples fez com que seu único filho nascesse entre gente simples, e convivesse com a simplicidade.
    Falando de forma simples, ele deixou mensagens tão simples para serem seguidas por qualquer pessoa"
    a magia da "Tradição" dispensa acessórios mágicos, pois se baseia no Rito
    o Rito Simbólico desenvolvido de forma inconsciente por todos nós. Veja que na criação do mundo Deus utilizou somente o verbo,
    a mais pura expressão do pensamento.
    Uma vela, materialmente é apenas um bastão de cera com um pavio interno
    mas o que ela significa simbolicamente a não ser a "Luz"
    Dependendo do uso escolhido, ela assumirá a sua função ritual, uma posição na simbologia mística, onde cumprirá um papel mágico.

    O que é SOLARIS
    Quem quer aprender magia, deve começar olhando a sua volta. Tudo que Deus quis dizer ao homem, colocou bem na frente dele – basta prestar atenção; isto é chamado de “tradição do sol”.
    Todos nós possuímos a mesma capacidade de entendimento – mas precisamos acreditar nas revelações que o dia-a-dia nos traz.
    A “tradição do sol” é democrática – não foi feita para os estudiosos ou puros, mas para as pessoas comuns.
    O poder está em todas as pequenas coisas que fazem parte do caminho de um homem; o mundo é uma sala de aula, o amor supremo sabe que você está vivo, e vai lhe ensinar.
    Em algum canto, num lugar que você talvez não tenha reparado até este momento, está a resposta que você queria, o milagre que você precisava. Para que este milagre aconteça, basta prestar atenção.
    portanto, os seguidores da Tradição do Sol podem eventualmente ser leigos
    desde que aprendam a canalizar as intuições e conecta-las com o mundo que o rodeia
    normalmente os iniciados são chamados Solaris
    outros a chamam de Tradição da Serpente
    considere que seus Dragões são serpentes grandes
    e verá que na verdade são emanações de magos muito fortes

  8. olá, boa tarde!
    Gostaria de saber se há uma "filial" das Tradições do Sol e da Lua em Campinas/SP, para poder me afiliar.
    Grato!

Deixe o seu comentário:

Poste aqui seu comentario se gostou do post acima!

Topo da pagina.