+
ico-maispiordebom-regrasico-maispiordebom-noticiasico-maispiordebom-duvidasico-maispiordebom-chatico-maispiordebom-descontracaoico-maispiordebom-aulasescolaresico-maispiordebom-receitasico-maispiordebom-celularico-maispiordebom-jogosappsjavaico-maispiordebom-assistirfilmesanimesico-maispiordebom-tutoriaisico-maispiordebom-bibliaico-maispiordebom-protetoresdetelaico-maispiordebom-papeisdeparedeico-maispiordebom-musicasico-maispiordebom-emuladoreseronsico-maispiordebom-nintendoico-maispiordebom-sonyNOME_ICONEico-maispiordebom-jogosflashico-maispiordebom-webdesignerico-maispiordebom-hardwareico-maispiordebom-sistemasoperacionaisico-maispiordebom-downloadico-maispiordebom-cubeecraftico-maispiordebom-espacomulherico-maispiordebom-horoscopoico-maispiordebom-fisioterapiaico-maispiordebom-medicinaico-maispiordebom-esportes

A Conquista do Mundo e a Morte da Fome em 3 Minutos



A belíssima São Paulo, é o que antigamente costumávamos dizer "é uma faca de dois gumes". Pois além das suas belezas, Sampa é conhecida por sua agilidade em como as coisas ocorrem – ou simplesmente como elas correm.
A rotina dos paulistanos é como fazer miojo, é querer conquistar o mundo e matar a fome em 3 minutos.
É o domínio das massas, quanto mais rápido, mais agitado melhor. E inconscientemente isso agrada a quem rapidamente faz as coisas.
Apesar de que para alcançar a satisfação é necessário que isso lhe dê prazer, pois aquilo que não agrada ao “cérebro” é automaticamente descartado. Ao solucionar rapidamente as coisas que lhe são solicitadas, você satisfaz ao ego que quem solicitou – pois agora poderá lhe passar mais coisas – e se satisfaz achando que só que porque rapidamente concluiu o solicitado poderá ficar com as pernas pro ar batendo papo e jogando baralho – o que na prática não ocorre.

Uma visão de como as coisas aqui acontecem:

#1 Round
Brigar com o despertador, ler o jornal, tomar o café, comer a torrada, ver os e-mail's, responder o sms no smartphone, ir para o trabalho, fazer aquele telefonema, e iniciar o serviço.

#2 Round
Sair correndo para o restaurante mais próximo, esperar da comida, olhar a pagina do Facebook, enviar sms, manter o smartphone "ativo", comer, fazer higiene bucal, e retomar o serviço – cansado e com cara de sono, pois o almoço foi “reforçado” – e nada produtivo.

#3 Round
Entrar no carro, torcer para não pegar transito, – o que aqui não acontece a partir das 17 horas – enviar sms, responder o email, aceitar aquela ligação, marcar um novo compromisso, comprar um presente, fazer um cartão para o presente, comprar uma roupa nova e chegar em casa.

Nem tudo acontece nessa ordem, mas o tempo todo ficou algo em comum no meio do texto. Isto tornou-se um vício para muitos, e para outros não faz diferença.  

Deixe o seu comentário:

Poste aqui seu comentario se gostou do post acima!

Topo da pagina.